10/01/2018 07h33 - Atualizado em 10/01/2018 07h33

Área assoreada pelas chuvas ganhará construção de muro de arrimo

Serão construídos 128,91m de muro de arrimo com altura média de 2,70m.

Por: Malaquias Batista
 
Prefeito Mário Valério e demais autoridades discutindo sobre o projeto de construção. Foto: Divulgação Prefeito Mário Valério e demais autoridades discutindo sobre o projeto de construção. Foto: Divulgação

Uma parte do loteamento Capitão Vigário ganhará a construção de muro de arrimo em nove unidades habitacionais construídas próximas ao Córrego Caarapó. As informações são do Setor de Habitação, órgão vinculado à Secretaria de Obras Urbanos.

A referida área está sofrendo açoriamento devido as chuvas que nos meses de dezembro e janeiro são mais intensas com problemas de desmoronamentos nas áreas que margeia as casas.

O recurso é oriundo do FEHIS - Fundo Estadual de Habitação e Interesse Social-AGEHAB, segundo a diretora-presidente, Maria do Carmo Avesani Lopez.

Serão construídos 128,91m de muro de arrimo com altura média de 2,70m na quadra 20 e P/Q-21 da Rua Diogo Alvares, totalizando nove casas.

(Com informações de Juliana Fragoso)

Foto: Malaquias Batista - alô Caarapó Foto: Malaquias Batista - alô Caarapó

Também no bairro Capitão Vigário, na área do Polo Textil, a prefeitura executa uma obra de recuperação da saída de água fluvial da tubulação que despeja no Córrego Caarapó.

O secretário de obras Denilson da Silva Romeiro, informou que a obra teve que ser interrompida devido as chuvas que não sessam, mas com a melhora do tempo será retomada.